Fidelius RPG
Seja bem vindo(a) ao FIDELIUS RPG!!! Por favor se cadastre e em um prazo de UMA semana no máximo você será liberado(a) e fará parte do segredo.

Fidelius RPG

Hogwarts sempre ajudará aqueles que a ela recorrerem!
 
FAQInícioPortalRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Direitos Autorais
Calendário ON

Fundadores




Protego

Compartilhe | 
 

 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Catherine N. D'Angelo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 70
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 3
Ataque: 4
Defesa: 3

MensagemAssunto: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Sab Jul 07, 2012 2:41 pm

17 de Julho de 1805
Chris, Cathe & Hope
RP FECHADA

Antes do teste pra cavaleiro.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Catherine N. D'Angelo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 70
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 3
Ataque: 4
Defesa: 3

MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Sab Jul 07, 2012 4:20 pm


::: Inicio do flashback :::
-Se eu sei da onde vem os bebes? Ué.. claro…-Respondi, sera que Christian tinha duvidas sobre aquilo. Eu deveria explicar a ele não? E dei um tapinha no seu ombro de forma amigável. Sentindo minhas bochechas corarem. -Depois de casar, o casal fica pelado e se abraça apertado e pronto o bebe foi feito.-Falei dando os ombros, e oh droga acho que fiz algo de errado, porque ele começou a tossir, muito, muito mesmo.

-Ah não, você ainda acreditava no hipogrifo ou na plantação de repolho? Me desculpa, ah droga. Eu só sei porque eu vi o Jonathan e a Gabrielle,a minha deles trabalham pra minha ,e eu vi eles pelados no celeiro e sai correndo foi estranho e ai depois ela tava grávida ai descobri como são feitos... Aiii se bem que Hipogrifos são mais bonitinhos e...-Falei pensativa dando tapas em suas costas.

-Como assim só sei isso? Tem mais? O que? Conte-me... Hey não fuja do assunto não futuro cavaleiro!!!-Falei puxando ele pela roupa quando ele se levantou vermelho e tossindo. E pronto, lá foi ele e eu pro chão e um rangido estranho. Será que eu tava tão gorda que rachei o chão? E ouvi um pigarro vendo o monitor Morrison parado nos olhando.

–Ahn? Poxa você é o Segundo que fala desse armário de vassouras... porque eu nunca conheci ele? Pode me mostrar... e… Ai Christian.. Pera.. ele pode nos modtrar o armário... ai.... Tchau Seth!!!!-Berrei ao ser arrastada pelos Christian, ele não parecia muito feliz. Acho que ele tem claustrofobia....
::: FIM do FLASHBACK :::

Dei uma risada me espreguiçando na relva. Vendo Hope correr atrás de outra borboleta. E continuei a olhar o céu por entre as copas das arvores. Eu adorava aquela floresta seu silencio, sua calma. E principalmente eu poder fugir de Pierre meu amigo príncipe da França que estava acampado com sua família em minha casa, eu o adorava, até tínhamos nadado ontem no lago, mas ele gostava de me fazer de sua boneca viva a experimentar roupas e isso cansava.... Mexi meus pés descalços imaginando ao taque que ele daria se me visse assim.

-Daqui a pouco teremos de ir Hope…-Murmurei sabendo que eu iria fazer uma surpresa a uma certa pessoa: Christian. Desde Hogwarts trocavamos algumas cartas e as vezes nos encontrávamos na Igreja, na verdade atrás dela numa capelinha em formato de gruta. Era muito legal ficávamos conversando. Rindo. Eu gostava daquilo. Na verdade eu gostava dele, mas ele não precisava saber disso correto?

Ouvi Hope latir mais alto e me sentei, vendo esta parada em alerta, antes da mesma sair correndo e fiquei olhando a direção que ela foi. Me erguendo e pegando meus sapatos, correndo atrás dela. Rindo com a velocidade que ela ia, e seus latidos altos e alegres,e u só esperava que ela não estivesse seguindo um urso, pois ela deveria se lembrar que estes eram maiores que ela e eu. E seria um pouco difícil escapar, ainda mais porque eu não trouxe minha varinha comigo. Papai não gostava disso, medo da inquisição e os demais trouxas.

-Hope!!!! PÁRA, JÁ CHEGA! -Berrei tentando alcançar ela. Mas quem disse que ela me ouvia, parei ofegante, voltando a correr agora me guiando por seus latidos, até parar vendo alguém de armadura a segurando no colo e diminui a corrida me aproximando e quando ele ergueu a cabeça eu sorri, reconhecendo ele assim como ele a mim. E lá estava de novo a face quente.

–Chris!!!-Falei rindo ofegante me aproximando dele e apontando o dedo pra Hope. -Nunca mais faça isso mocinha... Não a defenda, você está estragando nossa filha!-Falei brincando com ele. Lhe dando um abraço, desconfortável, nossa aquela armadura era dura O.O.

-Que coisa meio dura você ta usando... Pensei que o Senhor estaria extremamente ocupado hoje... Milord.-Falei sorrindo. Eu tinha que disfarçar, era surpresa a ele que eu iria ver a festa dentro do reinado.



OFF
Qualquer coisa fala que eu edito mih =*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Christian Accappatollo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 37
Data de inscrição : 28/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 4
Ataque: 3
Defesa: 3

MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Seg Jul 09, 2012 4:30 pm




 


I'M LEAVIN


DON'T KNOW WHEN I'LL BE BACK AGAIN





Post 01:
 

Naquele dia começaria a minha jornada, onde eu nunca mais seria o mesmo, eu deixaria de ser um garoto, das duas uma, ou eu voltava para o castelo como um homem, ou morto, mas não mais o garoto, eu estava ao mesmo tempo excitado e com medo, eu treinei a minha vida inteira para aquela jornada e agora eu tinha receio de não ter treinado o suficiente, mas não podia dar para trás, eu tinha que fazer isso, após colocar a armadura, eu pendurei minha espada e fui me despedir de minha mãe, que estava chorosa ao me abraçar e me beijar.

- Calma mãe, logo estarei aqui destruindo seus carvalhos com minha espada em treinamento.

Respondi a ela lhe dando um sorriso tranquilizador, mostrando uma coragem que eu com certeza não tinha, mas precisava fingir ter, me aproximei do meu pai que apenas me disse para voltar um vitorioso ou não mais voltar.

- Sim, sua alteza.

Disse me despedindo dele e então montei no meu cavalo, era cedo ainda, mas tinha uma pessoa que eu queria tentar encontrar antes de partir, entrei na floresta com o cavalo para logo escutar um latido familiar e desci do cavalo parando, vendo um cachorrinho vir na minha direção e eu pega-lo no colo.

- Veio se despedir de mim, ou quer deixar a Cathe louca de novo?

Perguntei a Hope após levantar a parte da frente do meu elmo e sentir ela começar a lamber meu rosto, foi quando escutei passos e logo vi Cathe.

- Não brigue com ela, ela veio me dar boa sorte.

Defendi minha filha, enquanto entregava Hope para Cathe, e ela me deu um abraço, eu tentei retribuir, mas aquela armadura não era tão boa para isso de forma que dei um abraço meio desconfortável.

- Eu estive, mas eu não poderia ir sem me despedir de você e da nossa filha. - Disse dando um sorriso tímido. - Cathe... Pode ser que eu não volte... Existe esse risco, mas... Eu farei o possivel para voltar... Eu... Caso eu não volte e apenas nesse caso... Eu gostaria que você soubesse de umas coisas... - Eu puxei uma carta das minhas vestes e entreguei para ela. - Caso eu não volte e apenas se eu não voltar... Quero que você abra e leia...

Na carta continha toda a verdade sobre mim, meu nome verdadeiro, quem eu era e o porque eu menti para ela, esperava que ela me perdoasse, caso eu morresse e ela fosse ler a carta.


INFORMAÇÕES SOBRE O POST
FALOU COM: PAI, MÃE, HOPE E CATHE
CITOU: PAI, MÃE, HOPE E CATHE
OBSERVAÇÕES: ESPERO QUE GOSTE

Voltar ao Topo Ir em baixo
Catherine N. D'Angelo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 70
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 3
Ataque: 4
Defesa: 3

MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Seg Jul 09, 2012 5:53 pm

]Eu sorri, e o abracei apertado da forma que dava com ele usando aquela coisa estranha. Eu prometi a mim mesma que faria uma surpresa a ele. Eu não era boa em fazer surpresa de alguma forma elas sempre saiam de forma errada. Mas lá estava eu omitindo a parte de que eu estaria lá esperando por ele.

–Não vamos falar disso, você não veio dizer adeus e sim até logo oras. –Falei nem sequer cogitando a ideia dele não voltar. Afinal ele era bom, e sabia usar bem a espada. Ele não poderia se machucar e eu esperava que ele estivesse levando consigo também a varinha. Por mais desonesto que fosse, eu só queria que ele voltasse, era errado desejar isso?

–Uma carta?-Questionei olhando o envelope e sacudindo as cabeça e o rasgando em varios pedacinhos, deixando o vento levar tais palavras. Ignorando o olhar perplexo de Chris. E abri um sorriso doce. Colocando Hope no chão. –Eu espero que você volte, pois eu somente poderei saber o que tinha na carta, quando você voltar.-Falei de forma sapeca rindo lhe dando um beijo na bochecha, okay eu tive de subir numa pedrinha pra isso.

-Logo acho bom o Sr voltar, sem machucados graves e vir me encontrar aqui. Porque eu estarei te esperando Christian.-Falei sorrindo. E não era mentira eu ficaria esperando ele voltar. E eu queria que ele voltasse. -Muito nervosa pro teste? -Perguntei e me lembrei de algo, e tirei o cordão que eu tinha no pescoço, era um símbolo antigo com uma fênix atrás. -Pera se vira… Confie em mim sr cavaleiro. -Falei brincando e subi na pedra de novo prendendo o cordão no pescoço dele. E me pendurando em seu ombro, mas sem realmente jogar meu peso nele, eu tava gorda eu sentia isso!

-Agora você tem dois motives pra voltar: me contar o que tinha na carta e me devolver o meu cordão. -Falei sorrindo, vendo Hope embolar com uma folha.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Christian Accappatollo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 37
Data de inscrição : 28/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 4
Ataque: 3
Defesa: 3

MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Qua Jul 25, 2012 4:04 pm




 


I'M LEAVIN


DON'T KNOW WHEN I'LL BE BACK AGAIN





Post 02:
 

Havia chegado o grande dia, o dia que eu deixaria de ser um garoto e viraria um homem, ou eu morreria tentando, mas antes de partir eu fui procurar uma pessoa, para me despedir e lhe dar uma carta com informações, com a minha verdade, disse para Cathe que tinha ido me despedir dela, mas ela parecia não querer tocar nesse assunto, de que eu talvez pudesse não voltar, eu apenas dei um sorriso quando ela disse que eu tinha ido dizer para ela apenas um até logo, foi então que eu lhe dei a carta, que contava toda a verdade, pedindo para que caso eu não voltasse ela abrisse e lesse a carta, ela pegou o envelope rasgando em vários pedacinhos e o vento levou embora toda a verdade.

- Porque você fez isso? E se eu não voltar? Cathe isso é serio... Só me escuta, caso eu não volte... Fale com os feiticeiros daqui, pergunte sobre Michael e sobre eu... Ok?

Eu não queria morrer e deixa-la acreditar em uma mentira, infelizmente essa era a unica forma de ela saber agora a verdade

- Um bocado, mas é normal, eu sei que estou bem preparado, eu me preparei minha vida toda para isso. - Respondi e escutei ela me pedir para me virar, eu me virei de costas e me abaixei um pouquinho para que ela colocasse algo em mim... Um cordão. - Pode deixar que eu irei devolve-lo para você... Obrigado.

Escutei ao longe algumas trombetas que indicavam que deviamos ir para o ponto de encontro para o começo de nossa jornada, era agora, eu me virei para Cathe.

- Cathe, independente do que aconteça, saiba que você é uma garota especial, especial para mim desde o dia que Hope se perdeu de você e eu a achei. Saiba que eu adorei te conhecer, que você foi e é uma garota especial para mim... - Respondi a ela, deixando de lado qualquer receio, aquela podia ser minha ultima oportunidade. Eu a puxei em um abraço e a beijei, não como amigo, mas como alguem que queria algo mais e quando finalizei o beijo eu olhei para ela. - Se eu voltar será para você, será por você... Caso eu não volte, espero que você seja muito feliz.

Foi o que eu disse antes de chamar o meu cavalo, subindo em cima desse e antes de partir eu olhei para ela.

- Eu te amo Cathe...

Foi a ultima coisa que eu disse, se algo me acontecesse, queria que essa fosse a recordação que ela teria de mim, de um cara que a amava, comecei a cavalgar na direção do castelo, esperando, mais do que nunca, poder voltar dessa missão.




INFORMAÇÕES SOBRE O POST
FALOU COM: HOPE E CATHE
CITOU: HOPE E CATHE
OBSERVAÇÕES: [hehe]

Voltar ao Topo Ir em baixo
Catherine N. D'Angelo
Aluno(a) Grifinória
Aluno(a) Grifinória
avatar

Mensagens : 70
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do personagem
Agilidade: 3
Ataque: 4
Defesa: 3

MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   Qua Jul 25, 2012 5:31 pm

Eu nunca lidei bem com despedidas, adeus, eu achava que tal coisa jamais deveria existir, mas era assim que a vida era feita, pequeninos momentos, eu tentava me apegar a eles. Não queria uma carta me contando, seja lá o que fosse, eu queria que ele voltasse, que reclamasse por eu não usar proteção pra treinar, rir quando eu cair da arvore, e eu rir quando Hope o atacava brincando. Eu queria isso de volta.

–Eu vou esperar você voltar... E ai você me conta o que tinha na carta;-Respondi sorrindo corada. Ouvindo o que ele dizia. Sentindo um aperto ruim, eu não gostava daquilo. -Só volta… -Murmurei olhando pra ele, sentindo ele me abraçar e o abracei de volta. Mas ele não somente queria me abraçar e fiquei parada, sentindo ele me beijar. Me lembrando que pra beijar alguém era preciso fechar os olhos, okay também mover os lábios. Isso era um beijo... Era um beijo correto? E senti o coração disparar e minha face pegar fogo. Eu sabia que devia ter passado pó de arroz.

–Chris…-Murmurei ainda de olhos fechados sentindo ele se afastar e os abri. O encarando e sorrindo. Eu não sabia o que falar, porque se eu fosse falar algo eu pediria outro beijo, eu pediria pra ele não ir. Eu não queria um cavaleiro em armadura, e montado em um cavalo, eu me contentava com o bruxo e sua varinha apenas. –Espera..-Pedi mas ele subiu no cavalo e fez a declaração que eu não esperava ouvir, não ali, me fazendo sorrir enquanto via ele se afastar e Hope latir pra ele indo embora.

-Ele vai voltar...-Falei pra ela que me olhou com seus olhos castanhos de forma curiosa. -Ele tem que devolver meu coração ué...-Falei pegando Hope no colo rindo feliz, correndo em direção a minha casa, eu precisava me aprontar e Pierre me ajudaria. Eu estaria lá esperando por ele.





OFF OWN

POST FINALIZADO!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: 17 de Julho de 1805 - RP FECHADA   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
17 de Julho de 1805 - RP FECHADA
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Fábrica] Mega Coders [FECHADA]
» Nova atualização Prodigy HD e Prodigy HD nano v 4.0 10 de julho 2013
» 02@ Rota 22
» Fogos do 4 de Julho
» Happy July 4th - Party - Julho 2013 - Dionisio's Cabaret

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fidelius RPG :: POSTS 6º ANO :: MUNDO Bruxo e Trouxa-
Ir para: